top of page

Como atingir a ODS 1 com acessibilidade digital?


Ilustração vetorial minimalista de um globo terrestre envolto em uma rede digital, destacando-se contra um fundo azul escuro. A imagem simboliza a importância da inclusão digital na erradicação da pobreza, alinhada ao Objetivo de Desenvolvimento Sustentável número 1.

Em 2015, a ONU apresentou a Agenda 2030 composta por 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).


Cada 1 dos 17 objetivos trata de um tema do desenvolvimento sustentável. Os objetivos  propõe ações efetivas contra problemas sociais. No post blog de hoje, você vai conhecer:


  • A conexão entre ODS 1 (Erradicação da pobreza) e ecossistema da inovação;

  • Algumas metas específicas da ODS 1 e a inclusão digital;

  • Tecnologia que promove o ODS 1 e a inclusão digital.


ODS 1 e ecossistema de inovação


Como o avanço da tecnologia e digitalização dos serviços, quais são as medidas mais efetivas para mitigar a pobreza? 


Quais são as ações e atitudes mais certeiras para incluir as pessoas com deficiência neste cenário de indústria 4.0? Afinal, elas são um público que pode ser afetado bastante pelos efeitos da vulnerabilidade social.


Em 2015, a ONU estabeleceu 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS)  para compor uma agenda mundial. Esta agenda visa oferecer soluções sob medida para diversos problemas.


Esses ODS se desdobram em temas para uma qualidade de vida digna enfatizando o planeta, pessoas, prosperidade, parceria e paz. 


O ODS 1 trata da Erradicação da Pobreza. No site das Nações Unidas, ele é descrito: “Erradicar a pobreza em todas as formas e em todos os lugares”.


A inovação tecnológica de alto impacto social tem uma função importantíssima para atingir este propósito. Por mais que empresas, empreendimentos e startups tenham compromisso com resultados financeiros, a tecnologia sempre terá um papel cidadão.


Facilitar a vida das pessoas e causar impacto social são exemplos de soluções ofertadas pelos ecossistemas de inovação.


Um bom desempenho econômico das empresas pode gerar mais empregos, ampliar a produtividade e os salários dos colaboradores das organizações. Isso tudo é um ciclo virtuoso para mitigar e erradicar a pobreza.


Assim, lidar com o desafio da vulnerabilidade social, os ecossistemas de inovação precisam:


  • compartilhar contatos, tecnologia, recursos, conexões com mercado e investidores;

  • unir empresas para ganho de escalabilidade;

  • receber feedbacks de stakeholders e aprimorar produtos e serviços;

  • atingir mais pessoas e impulsionar o desenvolvimento de regiões e países;

  • fornecer apoio de mentores e consultores para modelos de negócios em estados iniciais;


Portanto, dominar habilidades digitais é um requisito imprescindível para lidar com as novidades tecnológicas, comprar, conseguir empregos e se informar.


Sites de empresas que praticam inclusão digital apoiam as pessoas com deficiência a conquistar o espaço delas na sociedade. Essas mesmas empresas fomentam a inclusão socioeconômica. 


É o protagonismo da diversidade em ação. A interação entre negócios disruptivos e pessoas com deficiência pode ser um caminho para atingir o ODS 1.


Algumas metas específicas da ODS 1 e a inclusão digital


Um ODS é desdobrado em metas específicas que facilitam a execução de planos e ações.


Dessa forma, algumas metas do ODS 1 são citadas entre parênteses nos itens abaixo:


“1.4 Até 2030, garantir que todos os homens e mulheres, particularmente os pobres e vulneráveis, tenham direitos iguais aos recursos econômicos, bem como o acesso a serviços básicos, propriedade e controle sobre a terra e outras formas de propriedade, herança, recursos naturais, novas tecnologias apropriadas e serviços financeiros, incluindo microfinanças”


“1.a Garantir uma mobilização significativa de recursos a partir de uma variedade de fontes, inclusive por meio do reforço da cooperação para o desenvolvimento, para proporcionar meios adequados e previsíveis para que os países em desenvolvimento, em particular os países menos desenvolvidos, implementem programas e políticas para acabar com a pobreza em todas as suas dimensões”


O fornecimento de novas tecnologias apropriadas para garantir autonomia e independência financeira é uma das missões de negócios disruptivos.


É uma forma de estimular a mitigação da vulnerabilidade social. As tecnologias precisam promover a inclusão digital. Pessoas usuárias dessas inovações acessarão maior qualidade de vida.


A dimensão social e econômica não pode ser separada dos aspectos tecnológicos e mercadológicos!


Fora isso, os ecossistemas de inovação podem mobilizar soluções para garantir uma maior cooperação entre cidades, regiões e países. Esse compartilhamento de soluções garante uma melhora nas condições de vida de muitos públicos, inclusive as pessoas com deficiência.


Tecnologia que promove o ODS 1 e a inclusão digital


A tecnologia pode gerar muito impacto social positivo se apresentar uma navegabilidade intuitiva e um fácil manuseio. A Perto Digital oferece soluções para garantir que a comunicação da sua empresa e materiais de marketing sejam acessíveis e se conectem com qualquer pessoa.


Seu empresa pode promover um relevante avanço social. Clique aqui para saber mais.


Comments


© 2024 Perto Digital. Todos os direitos reservados

bottom of page