top of page

A sua empresa inclusiva pode potencializar talentos diversos e as vendas!


Ilustração vetorial minimalista que apresenta uma representação simbólica de um ambiente de trabalho inclusivo, mostrando figuras de indivíduos diversos trabalhando juntos, cada um trazendo suas habilidades únicas para a equipe. Eles são cercados por símbolos de crescimento e sucesso, como setas ascendentes, gráficos e talvez um caixa registradora ou carrinho de compras para representar as vendas. A diversidade de talentos e o impacto positivo no crescimento dos negócios e nas vendas são enfatizados. A paleta de cores da marca Perto Digital é usada para criar uma mensagem visual atraente e coesa.

Uma empresa inclusiva pode oferecer adaptações e ferramentas para acolher e ampliar a performance das pessoas com deficiência.


Qual é o conceito de deficiência? Qual é o significado dela? A partir dessa definição, será possível alinhar a pluralidade de talentos com as ferramentas certas para ativar um melhor desempenho.


Essa estratégia não fica limitada apenas aos colaboradores com deficiência!


Acolher as diferenças significa vender soluções sob medida para diversos públicos, sejam pessoas com deficiência ou pessoas sem deficiência.


Fundamentar a terminologia “deficiência” posiciona o empreendimento como ambiente inclusivo e colaborativo. O objetivo deste texto é identificar o sentido de “deficiência” para que esse aprofundamento se desdobre em boas práticas de acessibilidade. Muitas barreiras podem ser quebradas! 


Siga lendo o artigo para saber alternativas ideias para adotar uma postura de acolhida na sua empresa.


Leia o artigo “Como ser uma empresa inclusiva” para conhecer a definição de barreira.


Leia o artigo “Quem se beneficia com a acessibilidade digital” para conhecer o que é acessibilidade digital.


Deficiência é uma palavra em constante mudanças


Cada época teve uma percepção diferente de deficiência. Recorrer aos fundamentos de documentos e textos oficiais é o primeiro passo para responder a questão.


O propósito da Convenção Internacional sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência é a promoção dos direitos humanos.


É uma estratégia das Nações Unidas para proteger a dignidade e a vida. Os Estados Partes da Convenção são obrigados a fomentar o usufruto de direitos para essa população. Assim, todos os cidadãos gozam de plena igualdade perante a lei.


A Assembleia Geral das Nações Unidas aprovou o texto da Convenção na data de 13 de dezembro de 2006. No Brasil, o Decreto nº 949 promulgou o texto em 26 de agosto de 2009.


O Brasil tem um texto que é o protocolo facultativo da Convenção. Em outras palavras, as obrigações legais em terras brasileiras precisam ser mais rigorosas do que a convenção original. No caso, isso acontece porque o Brasil é um Estado Parte da Convenção. 



“(...) a deficiência é um conceito em evolução e que a deficiência resulta da interação entre pessoas com deficiência e as barreiras devidas às atitudes e ao ambiente que impedem a plena e efetiva participação dessas pessoas na sociedade em igualdade de oportunidades com as demais pessoa;”


Ainda, o texto afirma e ressalta:


“(...)  as pessoas com deficiência continuam a enfrentar barreiras contra sua participação como membros iguais da sociedade e violações de seus direitos humanos em todas as partes do mundo;”


“Reconhecendo as valiosas contribuições existentes e potenciais das pessoas com deficiência ao bem-estar comum e à diversidade de suas comunidades, e que a promoção do pleno exercício, pelas pessoas com deficiência, de seus direitos humanos e liberdades fundamentais e de sua plena participação na sociedade resultará no fortalecimento de seu senso de pertencimento à sociedade e no significativo avanço do desenvolvimento humano, social e econômico da sociedade, bem como na erradicação da pobreza.”


O primeiro trecho extraído do documento menciona a interação entre pessoas com deficiência e barreiras.


Um documento eletrônico que não pode ser transformado em áudio constitui uma barreira para uma pessoa com deficiência visual.


Um sistema de pagamento com funcionalidades muito complexas pode dificultar uma compra, sendo outro tipo de barreira. Afinal, o botão usado para finalizar a compra pode ter uma coloração imperceptível para uma pessoa com daltonismo.


São todos exemplos de barreiras que impedem a participação desses clientes no mercado em igualdade de oportunidades.


Nesses mesmos últimos exemplos, um sistema de pagamento com funcionalidades mais simples pode agilizar o processo de compra. É uma facilidade válida para vários públicos. 


Até mesmo um botão de compra com uma cor mais convidativa pode multiplicar o número de vendas efetuadas.


Nesse caso, a cor e um belo design podem contemplar pessoas sem deficiência. 

Por isso, a inclusão digital é boa para todos os perfis de clientes.


Leia mais sobre o que é inclusão digital no texto “Qual a diferença entre inclusão e acessibilidade?”


Empresas inclusivas e transformação social


Empreendimentos que priorizam o acesso e a conexão com a diversidade apresentam marcantes diferenciais competitivos.

Essa linha de raciocínio cabe bem no caso das pessoas com deficiência.


Participar da economia de mercado é estar em condições de igualdade e se posicionar como membros iguais da sociedade.


Uma empresa inclusiva, quando investe em recursos de acessibilidade, apoia colaboradores com deficiência. Talentos diversificados podem contribuir para o bem-estar comum da economia e impactar a comunidade.


Estes pontos resultam no fortalecimento do senso de pertencimento dos colaboradores.


Eles se identificam com o propósito empresarial, o que significa uma economia geradora de riqueza e avanços sociais. Até porque empresas contando com equipes diversificadas impulsionam o desenvolvimento sustentável.


Os efeitos das iniciativas empresariais inclusivas ampliam a boa qualidade de vida dos cidadãos.


Qual é o impacto social do seu sonho empreendedor no cotidiano da sociedade?

Qual é a esperança ativada pela sua atividade empresarial? 


O que seu modelo de negócios pode fazer pelo acesso online?


Perceba como a definição do termo “deficiência” trouxe desdobramentos para repensar a estratégia de vendas, marketing e recrutamento. Quando lidamos com fontes oficiais e informações de boa qualidade, novos conhecimentos são construídos!


 Surgem novos direcionamentos para nossas ações empresariais! 


A Perto Digital é uma Startup que entrega funcionalidades para agregar acessibilidade no digital da sua empresa. Ofereça uma proposta de valor para amplas audiências e aumente seu faturamento! 


Converse com nossos consultores e equipe de vendas e acrescente mais esse diferencial inovador na sua oferta.


Comments


© 2024 Perto Digital. Todos os direitos reservados

bottom of page