top of page

A conexão entre conteúdos acessíveis e a luta das pessoas com deficiência


Arte em 2D com uma mulher de costas apontando para dois papéis com rostos desenhados.

Um conteúdo acessível diz muito sobre a essência da sua marca. A maneira como você se comunica com o seu público, as pautas que você traz, até as bandeiras que levanta, pode influenciar os seus usuários.


O dia 21 de setembro, por exemplo, é o Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência. É muito importante que todos os atores sociais deem visibilidade para essa causa.


Mas o que você sabe sobre a Luta da Pessoa com Deficiência? Qual é o histórico da data? Quais as reivindicações mais importantes do movimento da inclusão?


Qual é a conexão entre organizações, empresas, demais partes interessadas e o 21 de setembro? Por que o verde simboliza esse período do ano? O que seu marketing diz sobre o evento? Quais os ganhos e benefícios trazidos pelo envolvimento das marcas com essa data e a inclusão digital?


Todas essas questões estão alinhadas com as respostas trazidas neste conteúdo. Você vai entender todo o contexto do setembro verde e identificar oportunidades de ganho em vários aspectos. Até porque o debate impacta toda a sociedade, pessoas e organizações. É uma transformação completa de conceitos e crenças.


Sejamos todos cidadãos comprometidos com a inclusão digital e a ampliação da qualidade de vida das pessoas com deficiência.


O histórico de muitas lutas, avanços e conquistas


A data 21 de setembro foi oficializada como Dia Nacional de Luta da pessoa com Deficiência pela Lei Nº 11.133 de 14 de junho de 2005. Já o artigo “Setembro Verde: mês da inclusão das pessoas com deficiência” tece comentários sobre o histórico da data.


Em síntese, os principais pontos da data são:


  • O Dia da Árvore coincide com o Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência. Por isso, o verde simboliza esse mês de setembro. A cor representa a esperança por dias melhores.

  • Movimentos sociais instituíram o dia em 1982, pois estavam reivindicando direitos.


Ter uma data para lembrar desse debate coletivo tem como finalidade o direito de ter maior representatividade.

  • Além disso, o esforço combinado de vários movimentos sociais deram lugar de fala para as pessoas com deficiência. Elas próprias assumiram um local de destaque e protagonismo nesse embate por direitos e reconhecimento.

  • O setembro verde fomenta o debate sobre acessibilidade e inclusão em vários aspectos. Ampliar o número de oportunidades para pessoas com deficiência se expressarem e dialogarem é urgente! Somente dessa forma é que elas conseguirão ter uma vida com maior qualidade. Entender as especificidades do contexto é naturalizar as diferenças e adaptar soluções para o cotidiano das pessoas.



Como o conteúdo acessível pode ativar a inclusão?


Empresas com o conteúdo mais acessível e adequações para atingir o público com deficiência naturalizam as diferenças.


Em outras palavras, a acessibilidade digital permite que qualquer perfil de usuário interaja com a internet. Tudo isso acaba virando parte do nosso cotidiano. O acesso no online acaba virando algo comum. Diversas audiências podem contar com os serviços de negócios mais convencionais ou startups para participar ativamente da vida econômica.


Por exemplo:


  • Perfis de pessoas com deficiência podem publicar suas opiniões e trocar experiências através das redes sociais. A inclusão digital e a representatividade acabam fortalecendo o movimento;

  • Negócios mais convencionais como supermercados podem comunicar suas ofertas com maior facilidade com a web. Isso simplifica bastante a inserção das pessoas com deficiência na compra, venda e mercado consumidor.

  • Startups do ramo de saúde podem entregar propostas de valor adequadas para a vivências de uma diversidade de personas. É uma maneira de ampliar a qualidade de vida delas.


  • Sites de RH podem adequar funcionalidades para incorporar a inclusão digital. A procura por um emprego deve ser uma realidade para todas as pessoas. O mercado de trabalho acaba assimilando os atributos da equidade e justiça social.


Com a inserção de qualquer pessoa no mercado de consumo, graças à acessibilidade digital, o movimento da diversidade se fortalece. A inclusão digital está muito alinhada com oportunidades sociais e inserção na economia. É inegável reconhecer a importância da internet para a conexão entre pessoas.

O universo web acaba trazendo esperança e motivação para construirmos um mundo mais equitativo.


Essas estratégias acabam resultando em melhor performance empresarial, conexão com consumidores e reconhecimento de marca. A tecnologia focada em acesso é um diferencial competitivo incrível! Agora, com tantos tipos de deficiências e situações de vida, como seu empreendimento pode atingir todos esses perfis diferenciados?


Sua marca pode ser um símbolo de esperança


A tecnologia do Perto Digital agrega acessibilidade para sites, documentos eletrônicos, textos e áudios.


Sua marca pode ter um desempenho muito melhor com a incorporação das funcionalidades na sua comunicação digital. O propósito da sua empresa pode transformar o cenário mercadológico de maneira substantiva e impactar muitas vidas.


Converse com nossos consultores para conhecer mais sobre as soluções do Perto Digital e vamos trazer um pouco de verde para o mundo.

Comments


© 2024 Perto Digital. Todos os direitos reservados

bottom of page